Ermal: Sementes do Deserto

978-989-54558-0-5

Novo produto

Miguel Santos

Os inimigos da Cidadela apoderaram-se de plataformas petrolíferas no litoral e infiltraram-se nos bairros periféricos. Santana, oligarca do petróleo, refugiou-se na Cidadela e convenceu os seus dirigentes a reconquistar o petróleo, custe o que custar.
À frente dessa campanha está um centurião da Cidadela. Um desgraçado odiado pelos aliados e respeitado pelos inimigos.

Mais detalhes

9,43 €

-20%

11,79 €

Adicionar à Lista de desejos

Mais informação

Neste 3º volume a ação continua a decorrer num mundo pós-apocalíptico, durante a Guerra Colonial na qual a Metrópole foi devastada pelo conflito atómico que opunha as superpotências. A guerra nuclear destruiu o hemisfério norte. O 25 de Abril nunca aconteceu.  
A Cidadela, o único reduto do império colonial, sobrevive por trás de muros e arame farpado.
Necessita de aliados contra as forças colectivistas do Exército Proletário.
Por isso, enviou um dos seus centuriões para convencer Ngandu, o líder de uma milícia religiosa, a lutar do seu lado.
O centurião falhou e não conseguiu impedir que o Exército Proletário ganhasse terreno, apoderando-se do petróleo da família Santana, recurso importante para a sobrevivência da Cidadela.
Agora, a Cidadela não tem escolha a não ser aceitar uma aliança perigosa com os oligarcas e iniciar o contra-ataque para a reconquista do petróleo.


Sobre o Autor

Miguel Santos, ilustrador em publicações de Ficção Especulativa, e RPGs, dois dos quais foram premiados nos ENnies Awards.
Escreve e desenha BD para a web e para papel, publicando nas revistas "Zona" (Associação Tentáculo), "Bang!" (editora Saída de Emergência), a revista "Gerador" 2 e a antologia "Humanus" (editora Escorpião Azul).
É autor de "Ermal, quando a guerra fria aqueceu" e "Ermal, Terra e Sangue" (editora Escorpião Azul).